DECTI

Desenvolvimento de Coleções e Tratamento da Informação (DECTI)

A DECTI tem como objetivo gerenciar o desenvolvimento e o tratamento das coleções visando à recuperação e à disseminação da informação no âmbito da Biblioteca Universitária da UFSC. As atividades da DECTI são distribuídas em: Seleção e Aquisição, Representação da Informação e Tratamento físico.
Para padronizar os registros, garantir a consistência e confiabilidade do catálogo e compartilhar o conhecimento a DECTI possui um Manual de Processos Técnicos da BU/UFSC.

Responsável: Tatiana Rossi
Email:  decti.bu@contato.ufsc.br
Telefone: (48) 3721-4893
Localização: Térreo do prédio da Biblioteca Central
Horário de Funcionamento: segunda a sexta das 7h30 às 20h.

Seleção e aquisição
Tem por objetivo gerenciar os processos de aquisição e seleção de conteúdos informacionais para atendimento das necessidades de informação da comunidade universitária.

Reponsável: Monique Neves Garcia
Email:  doacao.bu@contato.ufsc.br
Telefone: (48) 3721-2298

Representação da informação
Tem por objetivo promover a representação da informação por meio dos processos de indexação, catalogação e classificação de acordo com os padrões e normas da área, de forma a possibilitar a recuperação e a utilização pelos usuários.

Reponsável: Jonathas Troglio
Email:  jonathas.troglio@ufsc.br
Telefone: (48) 3721-9431

Tratamento físico
Tem por objetivo realizar os procedimentos de preparo físico do acervo necessários à sua disponibilização, bem como a distribuição junto às unidades de informação da Biblioteca Universitária da UFSC e a sua vinculação ao software Pergamum.

Reponsável: Avani Célia Feltz
Email:  avani.celia@ufsc.br
Telefone: (48) 3721-9945

Links úteis:
Procedimentos para doação
Procedimentos para compra
Guia rápido para efetuar a requisição de compra
Guia rápido para aprovação da solicitação de compra
Depósito legal (livros da editora UFSC e trabalhos acadêmicos)
Comissão de Desenvolvimento de Coleções
Política de Desenvolvimento de Coleções

Histórico:

Em 1966 começaram-se os trabalhos de registro de aquisição e recolhimento de material bibliográfico que se encontrava com os professores.

Em 1968 o serviço de aquisição passou a ser estruturado com aquisição mediante relação apresentada pelos professores e autorizada pelos diretores das respectivas unidades, priorizando a assinatura de revistas.

A Divisão de Representação da Informação acompanha a evolução das tecnologias da informação e comunicação, remodelando seu processo de trabalho ao longo do tempo. Em 1968, a BU/UFSC adotou para as obras de referência a Classificação Decimal Universal (CDU), para as obras geras a Classificação Decimal de Dewey (CDD) e para a catalogação do acervo o Código da Biblioteca Apostólica Vaticana. A partir de 1976 optou-se por utilizar apenas a CDU para classificação e a catalogação passou a ser por meio do Código de Catalogação Anglo-Americano. Máquinas duplicadoras eram usadas para realizar o desdobramento de fichas catalográficas, tendo em vista que na época não se tinham sistemas.

Em 1976 recebeu uma doação de 1.000 livros do Instituto Nacional do livro (convênio Eletrosul). Nesse mesmo ano, com a inauguração do prédio da BC houve a centralização da seção de aquisição.

Em 1977 ocorreu a centralização dos processos técnicos, que até então era realizado em cada biblioteca do sistema. A Seção de Processamento Técnico foi implantada com as atribuições de preparo para empréstimo, pintura (do número de chamada) e desdobramento de fichas para os catálogos de registro e catálogo sistemático. A aquisição e registro faziam parte do setor técnico, separada do setor de doação.

Em 1978 houve a desvinculação total do setor de compras da UFSC para centralizar os processos de aquisição pela BC. Ocorreu a implementação da Política de doação e permuta, do processo de descarte, racionalização da aquisição de periódicos, aceleração e padronização de processos técnicos.

Em 1980, houve o desmembramento da Seção de Serviços Técnicos em três setores (Classificação, Catálogo e Serviços Técnicos Auxiliares). Foram implantados os Catálogo de Registros e de Cabeçalhos Uniformes para Pessoas e Entidades Coletivas.

Em 1986 teve participação no Programa de Aquisição Planificada de Periódicos (MEC).

Em 1987 passou-se a ter descentralização orçamentária, controle de recursos financeiros e despesas de aquisição.

Em 1989 teve participação no Programa de Aquisição Planificada de Periódicos estrangeiros. Nesse ano a BU/UFSC passou a integrar o BIBLIODATA/CALCO, estabelecendo novas diretrizes para o processamento técnico do acervo bibliográfico, juntamente com os estudos relacionados à informatização da biblioteca. Em 1998, a BU/UFSC participou na Comissão Diretora da Rede BIBLIODATA/CALCO e em 2000 assumiu a presidência da Rede.

Em 1998 criou-se a Comissão de Seleção e Aquisição de Material Bibliográfico do sistema de bibliotecas. Nesse ano houve desenvolvimento das Bases de Dados, aquisição de material bibliográfico, trabalho de conclusão de curso da área de medicina e cadastro das editoras.

A partir de 1999, com a implantação do sistema Pergamum, o Serviço de Processamento Técnico passou por uma reestruturação com novo fluxo de trabalho e lay-out. Ocorreu o estabelecimento de uma política de seleção do material recebido por doação. Os setores, com o novo organograma, passaram-se a chamar: Aquisição, Circulação, Coleções Especiais, Periódicos, Referência e Desenvolvimento de Coleções e Tratamento da Informação.

Em meados de 2013, o Setor implantou o controle de autoridades de assuntos e nomes e também lançou o Manual de Processos Técnicos, otimizando e registrando os processos de trabalho o que colaborou para a padronização das informações e estabelecendo um mecanismo de registro do conhecimento produzido pela equipe. Em 2015 teve a segunda edição e em 2017 foi lançado um site com as informações de forma a dinamizar e agilizar a divulgação para a BU/UFSC dos tópicos que se encontram em constante atualização.

Fonte: SOUZA, Ieda Maria de et al. Biblioteca Universitária da UFSC: memória oral e documental. Florianópolis: [s.n.], 2002.